Administração 16 3237-7770 | Portaria 16 3236-5042
Segunda a Sábado das 8h às 20h | Domingo das 8h às 14h

Vinhos Vinhos: aprenda a harmonizar.

Voltar Voltar

A tradição de combinar o vinho com a refeição vem de muitos séculos atrás. Um sempre foi o par perfeito do outro. E realmente não tem nada mais agradável e prazeroso do que abrir um bom vinho e saborear um delicioso prato de comida.

Com o passar do tempo, o vinho foi se popularizando no mundo, aumentando o número de produtores e os tipos de uvas. Hoje temos uma variedade enorme de tipos, que conferem inúmeras características para os vinhos, como sabores, aromas, características de cor, acidez e corpo, criando novas experiências a todo momento.

É por isso que todo amante do vinho já ficou na dúvida em qual vinho escolher para harmonizar com determinado prato, devido ao grande número de possibilidades. É claro que estabelecer uma regra não é fácil, mas existem alguns tipos vinhos que naturalmente combinam mais com alguns tipos de pratos. Conheça essas combinações:

Tinto – sempre vai bem com carnes, mas como existem muitos tipos, eles são bem versáteis.

Tinto leve – massas com molhos leves.

Tinto encorpado – queijos duros, como o provolone.

Tinto seco – massas com molho de tomate, ou com molho de ervas ou ainda com molho condimentado, além de queijos amarelos, como o parmesão e gouda, e frios em geral são combinações perfeitas;

Tinto seco leve – carnes vermelhas fritas ou grelhadas, frango assado ou cozido, pizzas, bacalhau com molho e paella.

Tinto seco encorpado – carnes assadas e queijos brancos, como o brie e o camembert.

Branco – harmoniza bem com peixes e frutos do mar e quase nunca combinam com comidas muito temperadas e carnes vermelhas.

Rosé – é ótimo com carnes magras grelhadas, frango assado, verduras gratinadas, massas italianas, charcutaria, entradas, tortilhas e omeletes. E não cai bem com peixes e mariscos cozido simples, peixes magros grelhados, carnes gordas e queijos azuis.

Espumante – vai bem com diversos pratos, mas combina muito bem com aperitivos como queijos de massa branca (brie e o camembert), peixes fumados (salmão), carnes gordas assadas (leitão, porco), aves assadas (frango, pato), entradas e aperitivos.

Vinho do Porto – frutas secas, bolos, queijos azuis, sorvetes e sobremesas são boas harmonizações.

Isso é apenas um guia básico, mas isso não quer dizer que você tenha que seguir à risca. Antes de tudo, o gosto particular e o instinto são primordiais. Portanto, experimente, invente e crie suas combinações. Aqui no Novo Mercadão da Cidade você encontra uma grande variedade de vinhos nacionais e importados. Visite nossas lojas e empórios e descubra o maravilhoso mundo dos vinhos. Saúde!


Compartilhar:

  • facebook
  • twitter
  • gplus

Imprimir:

  • imprimir